Share Voto Rápido

Poll link

500 px
350 px
250 px
Pré-visualizar

- pré-visualizar

Largura - pixeis; Altura - pixeis

Fechar pré-visualização
! Você está usando um navegador que não é compatível A sua versão do navegador não está otimizada para a Toluna, recomendamos que você instale a versão mais recente Atualizar
A nossa Política de Privacidade rege a sua participação no nosso Painel de Influenciadores, que você pode acessar aqui. O nosso website usa cookies. Como no mundo offline, cookies tornam qualquer situação melhor. Para aprender mais sobre os cookies que são usados no nosso website, verifique a nossa Política de Cookies.

ClaRibeiro

  3 meses atrás

Hooters volta atrás em decisão polêmica sobre uniforme de funcionárias
Fechado

A rede de restaurantes Hooters voltou atrás em uma polêmica decisão: a de diminuir ainda mais os shorts das garçonetes que trabalham nas lojas da marca. Depois de críticas das próprias funcionárias a respeito do novo uniforme, a companhia afirmou ao Business Insider em nota que, "à medida que avança na missão de atualizar a imagem das 'Hooters Girls', elas têm a opção de escolher entre uniformes tradicionais ou novos".

Mas afinal, do que se tratava a mudança? Em linhas gerais, seria a substituição dos shorts das garçonetes por algo parecido com uma calcinha, ou com a parte de baixo de um maiô. Depois de críticas ao novo uniforme — inclusive feitas pelas próprias funcionárias da rede — alcançarem o TikTok, com um único vídeo alcançando 1,9 milhão de curtidas, o Hooters resolveu dar um passo atrás.

Ainda segundo a nota enviada ao Business Insider, a empresa decidiu tomar a decisão de abrir a possibilidade de escolha a respeito do que melhor se encaixar "no estilo corporal e imagem pessoal" de cada uma delas.

Vale lembrar que a Hooters sempre teve o estereótipo de ser uma rede focada em trazer mulheres em roupas sensuais (contando, em grande medida, que isso colaboraria para atrair a clientela masculina), mas recentemente enfrentou problemas financeiros para continuar. Em 2019, a rede encerrou as atividades no Brasil, como parte da redução global do número de restaurantes da marca.
Se em 2000 eles eram quase 400 restaurantes, em 2011 esse número já tinha sido reduzido em quase 25% e, em 2016, mais 7% das unidades foram fechadas.


Fonte: Exame

Rede famosa por decorações esportivas e garçonetes usando shorts curtos e blusas decotadas...

Imagino como o foco na aparência física trazem conseqüências negativas para a saúde mental das funcionárias...mas enfim, a aceitação de um trabalho do tipo, já pressupõe conhecer as regras do jogo.
Responder

Cgualter5974767o59

  3 meses atrás
Complicado
0 comentários

scmcervo

  3 meses atrás
Bom trabalhar na empresa já sabe o que espera
0 comentários

Copiado para a área de transferência

Você está quase lá

Para poder criar conteúdo na comunidade

Verifique o seu e-mail / reenviar
Não, obrigado! Estou apenas olhando

OK
Cancelar
Lamentavelmente, desativamos a funcionalidade de login com Facebook. Por favor, digite seu e-mail do Facebook para receber um link de criação de senha.
Por favor, insira dados válidos para Email
Cancelar
Processando...
Se você incluir uma foto, seu perfil fica mais legal.
Carregar